domingo, 31 de agosto de 2008

Antalgia

Dor que a cada dia dilacera os sentimentos de solidariedade humana, dores de parto, dores de abortos, dores de picadas na veia, para curar a dor de outra doença ou para aliviar as dores da vida, dores de cabeça por falta de comida ou por falta de amor, compreensão ou apenas por falta de uma mão, dor de cotovelo pela incapacidade, intransigência, incompetência, dores visíveis, dores invisíveis, dores incompartilhadas, dores de arrependimento, dores que a todo o momento nos tiram a paz e nos deixam incapazes de levantarmos e seguirmos a qualquer lugar que seja, dores do passado ainda recente, dores físicas ou sentimentais, sempre dores, sempre amargas e disciplinadoras, dores fantasiosas, dores surreais, dores profundas e artificiais, sempre dores, dores que nem sempre combatemos.

Nenhum comentário: