quarta-feira, 29 de outubro de 2008

A quase falência de meus palpites

Não sou um bom palpiteiro e sei o motivo, palpito com o desejo. Os bons palpiteiros são pragmáticos, pensam muito, são calculistas. Eu, imbuído do espírito latino, escrevo mais com o coração; e, por isso, meus palpites, na maioria das vezes não dão certo.

Esse ano eu não acompanhei o Brasileirão da série A, está muito fraco aquele campeonato, bom mesmo é o Brasileirão da série B. Dei meus palpites no início do campeonato e agora percebo que vou acertar pouco. Em minha opinião os clubes que subiriam a Série A seriam: Corinthians (campeão) Paraná Clube, Bragantino e Criciúma (não necessariamente nesta ordem). Justifico esse palpite. Apostei no Corinthians porque é meu time de coração e a primeira divisão não é nada sem o Timão. Apostei no Paraná Clube porque é um time que joga muito bem a série B (já provou isso duas vezes se não estou enganado), ademais, o futebol paranaense precisa de representatividade nacional e quantos mais times na primeira divisão melhor. Apostei no Bragantino porque torci muito por ele no campeonato brasileiro de 1991, infelizmente os bambis levantaram o caneco, também pudera seria o terceiro vice-campeonato. E, por fim, escolhi o time do Criciúma porque é um clube e uma torcida de primeira divisão, é de dar dó ver a decadência de um clube como esse.

O Corinthians já está na Série A e volta com fome de bola (até agora foi o único palpite certo). O Paraná Clube começou muito mal o campeonato, não fosse isso estaria na briga. O Bragantino ainda tem chances, mas depois de uma seqüência de vitórias, começou uma seqüência de derrotas e agora tem que torcer contra o Juventude (no qual baixou um santo) e contra o quarto colocado. O Criciúma é o pior time dos meus palpites, cisca o rebaixamento. Por incrível que pareça estava fazendo uma campanha medíocre, se melhorasse a campanha na reta final poderia garimpar uma vaga a Série A. Mas fazer o quê, o futebol não é feito de “se”, mas de bola na rede.

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Prêmio Fnac Novos Talentos


A Fnac deste ano premiou desenhistas, e três curitibanos estiveram entre os dez finalistas, são eles: André Figueiredo, Luendey Maciel e Thiago Augusto. Dentre estes, dois levaram o 1° e o 2° lugar. Prêmio justo para os desenhistas e confirma Curitiba como a cidade da Gibiteca. O primeiro desenho é de Thiago Augusto - que esteve entre os dez finalistas. O segundo desenho é de Luendey Maciel - 2° colocado. O terceiro desenho é de André Figueiredo - 1° lugar.
O melhor desenhista que conheço no Paraná atende pelo apelido de Clau (meu primo), pena que o cara sumiu do mapa.

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Toquinho para crianças

Um desenhinho para as crianças (atrasado como sempre).
video